Saúde mental em debate no século XXI

Entenda como a saúde mental é vista no século XXI e qual é o panorama atual

11236
Postado: 4 de dezembro, 2020
saúde mental

Tema presente em muitas discussões atuais, a saúde mental tem ganhado destaque no século XXI, que é marcado pelo dinamismo, a pressa e a frivolidade das relações. Assim, visando construir uma reflexão coletiva e uma rede de apoio a pessoas que possuem transtornos psicológicos, instituições mundiais como a OMS, governos e produções culturais se mobilizam arduamente para mudar esse panorama. 

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, atualmente o Brasil lidera o ranking mundial de transtornos mentais, tendo 18 milhões de pessoas com ansiedade e 12 milhões com depressão, o que corresponde respectivamente a 9,3% e a 5,8% da população total. Tais dados revelam-se como produtos do estilo de vida da sociedade atual, que está cada vez mais individualista e mais pautada na competição e na liquidez das relações interpessoais, o que vai de acordo com o que o que Zygmunt Bauman, o “queridinho” das redações do ENEM, alcunha como modernidade líquida. 

saúde mental

Nesse sentido, podemos citar 2 grandes eixos que corroboram para a manutenção desse modus operandi: 

Internet: Embora com muitos benefícios, o ambiente virtual quando usado excessivamente, pode provocar frustrações, transtornos de autoimagem, pressões e uma alienação da realidade. Isso se deve ao fato da internet mostrar apenas aquilo que aparenta ser o ideal e o perfeito, o que conduz os usuários a seguirem esses moldes por acharem que assim serão plenamente felizes. No entanto, esses tópicos estão distantes da realidade de qualquer ser humano normal, e assim, a busca pela felicidade dentro desses parâmetros além de incansável, é irreal. 

Trabalho e estudo: Dentro do sistema capitalista, a busca pelo lucro e por bons resultados, seja no ambiente educacional, quanto no profissional, condiciona diversas pessoas a ultrapassarem seus limites emocionais a fim de cumprirem com suas metas diárias. Além disso, em um sistema meritocrático, marcado pela competitividade, converte esses fatores em pressão e adoecimento

SAÚDE MENTAL E REPERTÓRIO SOCIOCULTURAL

CISNE NEGRO

Indicado a 5 categorias do Oscar e vencedor de 1, Cisne Negro foi lançado em 2010 e conta a história da bailarina Nina (Natalie Portman), obcecada pela dança e que vê a oportunidade de conquistar a vaga principal em O Lago dos Cisnes, após a aposentadoria da bailaria Beth. No entanto, Nina possui uma obsessão pela dança que a desestabiliza e perturba, fazendo com que ela assuma duas personas, o cisne branco, caracterizado pela perfeição, a técnica, o controle e a disciplina, e o cisne negro, caracterizado pela sexualidade, a sedução e a sombra. Além disso, com o destaque da bailarina, Lily (Mila Kunis), Nina a enxerga como sua rival em uma desgastante competição, que afeta ainda mais seu psíquico. 

OMS E CONCEITO DE SAÚDE 

Segundo a Organização Mundial da Saúde, “Saúde é o estado de completo bem-estar físico, mental e social e não somente a ausência de doença.”

O LADO BOM DA VIDA

De maneira descontraída, o livro de Matthew Quick conta a história de Pat, um professor que acaba de sair de uma instituição psiquiátrica e da viúva depressiva Tiffany. Desse modo, a obra aborda o relacionamento dos dois da amizade até o romance e como é possível ser feliz e se sentir bem mesmo após as adversidades dos transtornos psíquicos.

Dica do professor

Para te ajudar a construir um texto com o possível tema analfabetismo em evidência no brasil, convidamos o professor do QG do ENEM, Tony Gomes, para dar algumas dicas. Segundo ele:

“Considerada a preocupação do século XXI, a saúde mental é estudada há anos por várias áreas da sociedade. Enquanto no século passado tratamentos invasivos com perfuração craniana, purificação sanguínea, tratamento de choques, eram comuns, hoje, há uma luz nos estudos que apontam para outros meios mais humanos. Mas mesmo assim, o grande estresse da vida moderna e até a má alimentação podem contribuir para que doenças psico-sociais sejam desencadeadas, interferindo no bem estar individual e social. Para isso, o acolhimento da família e dos grupos sociais é primordial para contribuir com a saúde mental dessas pessoas.”

“Como referência temos as ideias amadas e odiadas de Freud, o filme Tempos Modernos de Charles Chaplin e a tecnologia como um fator dificultador.”

Para ter embasamento desses e outros possíveis temas de redação para o ENEM 2020, conheça o Blog do QG, clicando aqui!