Novo Acordo Ortográfico: Novas Letras no Nosso Alfabeto

O alfabeto passa a ter 26 letras. Foram reintroduzidas as letras k, w e y.

36812
Postado: 29 de fevereiro, 2016

O prazo para a adaptação do novo acordo ortográfico acabou em 31 de dezembro de 2015, o que significa que ele entrou em vigor em 1º de janeiro de 2016. O Acordo Ortográfico será, obrigatoriamente, cobrado. Então os candidatos do Enem e demais vestibulares deverão estar em dia com as novas regras.

Na prova de Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias, não é comum a cobrança de questões de gramática que requeiram que o aluno saiba regras de ortografia. Entretanto, como o novo acordo ortográfico entrou em vigor este ano, o Enem 2016 pode surpreender trazendo questões que tratem sobre o uso formal da Língua e a aplicação da ortografia.

Além da prova de Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias, a outra prova que mais preocupa os candidatos é a redação. A Primeira Competência da Redação do Enem, ou seja, o primeiro critério de avaliação, é seguir a norma culta da Língua Portuguesa aplicando todas as regras gramaticais, o que inclui a ortografia oficial (veja os outros critérios de correção da redação aqui).

Novas Letras no Nosso Alfabeto

O alfabeto passa a ter 26 letras. Foram reintroduzidas as letras k, w e y. O alfabeto completo passa a ser:

A B C D E F G H I J
K L M N O P Q R S
T U V W X Y Z

 

As letras k, w e y, que na verdade não tinham desaparecido da maioria dos dicionários da nossa língua, são usadas em várias situações. Por exemplo:

  • na escrita de símbolos de unidades de medida: km (quilômetro), kg (quilograma), W (watt);
  • na escrita de palavras e nomes estrangeiros (e seus derivados): show, playboy, playground, windsurf, kung fu, yin, yang, William, kaiser, Kafka, kafkiano.

 

Veja as outras regras, clicando aqui.

 

 

 

COMPARTILHE
Artigo anteriorO papel do esporte na construção social brasileira
Próximo artigoUniversidade Investiga Fraude no Sistema de Cotas
O QG do Enem Cursos On-line é uma plataforma digital que oferece diversos cursos e serviços de preparação para o ENEM e vestibulares. A empresa é fruto de uma parceria entre a Eleva Educação, grupo dono de 5 das 15 melhores escolas do país, e o CERS, renomada instituição de ensino jurídico à distância.