Métodos de estudo para começar o ano

Conheça algumas técnicas de estudo que podem otimizar seu ano

456
estudo

Apesar de o ano só começar oficialmente depois do Carnaval, muitos estudantes já estão aproveitando o feriadão para organizar seus estudos para o resto do ano. Pensando nisso, nós do QG, elaboramos uma matéria com alguns métodos de estudo para começar o ano! Confira: 

 MAPA MENTAL  

O mapa mental é uma técnica que foi criada pelo psicólogo inglês Tony Buzan, e que consiste em um diagrama com um tema central, que se desdobra em uma série de subtemas mais particulares. No geral, o mapa contém poucas palavras, pois é utilizado apenas para sintetizar as principais informações de um conteúdo, além de ser bem colorido e atrativo. Nesse sentido, essa técnica é ótima para revisar e memorizar o que é realmente necessário em uma matéria, e de quebra evita que você se concentre em informações não tão importantes.  

estudo

FICHAMENTO 

O método do fichamento consiste basicamente em anotar as principais informações de um texto, livro ou alguma matéria, em fichas. Para isso, é necessário que o estudante leia o conteúdo em questão, faça uma peneira com os dados apresentados e anote as informações respeitando a ordem em que elas aparecem. Essa técnica pode ser feita por meio de citações que contenham ideias chaves do conteúdo, ou utilizando suas próprias palavras, assim como em um resumo. No entanto, vale ressaltar que o fichamento, assim como o mapa mental deve ser bem sintetizado e resumido.  

 

SIMULADO 

Uma das melhores formas de estudar e melhorar seu auto controle durante avaliações, é através do simulado. O estudo prático além de trazer exercícios, ainda te possibilita saber quanto tempo você está gastando por cada questão, como você pode cuidar do seu nervosismo e como pode otimizar seu tempo. Assim, os simulados tornam-se essenciais para estudar para qualquer concurso, pois quanto mais treinarmos, melhor nos adaptaremos as situações reais.  

 

ESTUDO DISTRIBUÍDO  

Muitas vezes temos a ilusão de que quando estudamos todo um conteúdo de uma vez, conseguimos nos livrar dele e já podemos passar para um próximo. No entanto, muitas vezes não é isso que acontece, tendo em vista que estudar por longas horas não é sinônimo de qualidade. Por isso, para otimizar seu estudo e realmente absorver as informações necessárias, distribua o conteúdo a ser estudado ao longo do dia. Você pode estudar 1 hora pela manhã, 1 hora pela tarde e 1 hora pela noite, ao invés de estudar tudo em 3 horas. Assim, você consegue assimilar todas as informações e ainda tem tempo de estudar outras matérias e descansar, sem ficar com aquela famosa dor de cabeça. 

 

Por fim, não deixem de aproveitar esse restinho de férias, mas comecem a pensar no tipo de estudo que realmente funciona para você, para que seu ano seja sem complicações, e todo seu esforço seja otimizado! Equilíbrio e responsabilidade são essenciais!